X
    Dicas 22 de agosto de 2017

    Nem sempre ter somente conhecimentos sobre uma determinada região te faz ser um ótimo profissional, até porque, esta é uma das básicas funções de um guia de turismo. Nós queremos que você seja diferenciado, que invista na sua empresa (você) e para isso trouxemos alguns cursos que poderão ser encontradas em sites de buscas, livros, […]

    Educação 6 de outubro de 2017

    A era digital chegou na educação e está simplificando cada vez mais a maneira de apreender, tornando o impossível acessível. Confira as dicas de cursos sobre empreendedorismo, finanças pessoais, formalização de empresas etc.

    Escrito por Redatores de Ideias
    Postado em 12 de julho de 2017, na categoria Redatores de Ideias

    Quando fiquei sabendo que minha apresentação seria sobre o turismo social, logo me imaginei falando sobre as vantagens de viajar com um propósito de ajudar o próximo, de cuidar de animais na Índia, ensinar inglês para crianças no Peru, cuidar de idosos no Canadá. Porém, mal eu sabia que meu conceito estava redondamente errado.
    Diferente do voluntarismo e do turismo cultural o conceito social é adaptar algo, antes inacessível a quem não tem condições de alcançar por algum motivo. É tornar acessível aquilo que é de carácter essencial para o desenvolvimento da vida em particular e em sociedade ou seja, o direito de lazer, de viajar e de se conhecer.

    O turismo social se distingue do turismo “comercial” primeiramente pelos preços em geral 25% a 40% mais baixos e quase sempre com serviços e instalações do mesmo nível além disso, é um segmento da atividade turística que inclui as pessoas que desejam realizar algum tipo de atividade relacionada ao turismo, mas que não podem usufruir geralmente por motivos financeiros.

    A ideia do turismo social é tornar as viagens mais acessíveis ao maior número de pessoas possível, criando um ambiente de inserção e respeito que confira benefícios sociais, educativos e como cidadão, criando iniciativas turísticas que permitam a evolução de cada indivíduo como pessoa e como cidadão.
    É buscar um valor agregado que confira benefícios sociais ao turista. É a forma que as instituições encontrarão de auxiliar as pessoas a viajar e assim, estimular o turismo em suas vidas.
    No Brasil, ainda é pouco desenvolvido o turismo social e as iniciativas são restritas a algumas instituições voltadas para o bem-estar social dentre as quais se destaca o Sesc. O qual realiza o turismo emissivo e receptivos em 40 hotéis distribuídos em 19 estados.


    Quem escreveu? Este texto é da Walquíria Proença, Estudante de Turismo do 4º semestre da FACCAT e Estagiária da Secretaria de Turismo de Gramado para o Redatores de Ideias.

    Contato: linkedin.com/in/walquiriaproenca

    Deixe uma resposta

    Seu email não será publicado.



    *

    Receba toda semana nossas dicas,
    entrevistas e ideias pra você inserir no turismo e na sua carreira.

  • Tá Tendo Evento

    A gente te conta quais os eventos estão acontecendo por aí pra você se programar com calma.
  • Inseri uma Ideia

    Fique de olho nas empresas fundadas e gerenciadas por turismólogxs. A próxima pode ser a sua!
  • Protagonismo

    Nossas dicas de currículo, entrevista e branding pessoal pra você.
  • |