X
    Escrito por Danielle Jardim
    Postado em 7 de junho de 2018, na categoria Protagonismo

    Não deve ser difícil encontrar no mercado algum colega de profissão que tenha desistido do turismo ou quase desistido dele. Eu, por exemplo, fui uma das que pensei estar no lugar errado e quase pensei em desistir do turismo.

    Com toda esta história que já conhecemos de ter outros profissionais ocupando nossas vagas, a concorrência sendo desleal para empresas do setor por não haver uma regulamentação, os baixos salários sendo oferecido pelas emrpesas, muitos acabam desanimando e buscando uma recolocação no mercado para outra área ou mudando de curso na graduação.

    A realidade é essa, não posso mentir pra vocês e por um momento da minha jornada eu pensei ter escolhido o curso errado. Me perguntava diversas vezes o que me levou a escolher uma profissão que não me dava possibilidade alguma de realizar nada. Será?

    Foi neste momento também que eu quase me acomodei igual a maioria do profissionais. Quase passei o dia inteiro me lamentando pelas redes sociais sobre o contras e o lado ruim da profissão, quase desisti do turismo.

    Foi então que decidi que não iria ser igual a todo mundo, eu não ia entrar na mesmice do Oceano Vermelho e sabotar minha felicidade e meu propósito.

    Por que eu não dessiti do turismo?

    Eu sabia que seu eu desistisse, estaria desistindo do meu maior desejo como turismóloga: compartilhar experiências, cultura, ideiais e ideas no turismo e para o turismo. Se eu tivesse desistido eu seria mais uma reclamando, me acomodando e compartilhando pesimismo por aí.

    Mas o principal motivo era o de provar para mim e para outros estudantes e turismólogos de que nós somos capazes, de que eu sou capaz e de que ninguém faz carreira ou encontra o seu propósito sentado no sofá na sala vendo o que os outros estão fazendo.

    Quem precisa fazer algo sou eu e você. Quem precisa parar de estacionar os sonhos e acomodar a nossa profissão somos nós.

    Não desisti do turismo porque “descobri” que ele está cheio de possibilidades que dependem da minha capacidade de realização para torná-las reais.

    No mês passado escrevi um texto sobre persistência e confiança no meu Linkedin e é ideal pra você que pensa em desistir do turismo.

    Não perca a oportunidade de ser quem você sempre quis ser no turismo. Não perca a oportunidade de empreender, de se realizar, de vivenciar o turismo da maneira que sempre sonhou. Apenas faça.

    Deixe uma resposta

    Seu email não será publicado.



    *

    1. Danielle Jardim, acompanho seus textos e tenho a certeza que estou no caminho certo, buscando minha capacitação e aproveitar todas oportunidades na graduação.

      • Danielle Jardim em 13 de junho de 2018

        Que ótimo ler seu comentário André, isso também me dá a certeza de que estou no caminho. Vamos juntos nesta para transformar o turismo e transformar nossas carreiras! Obrigada!

    Receba toda semana nossas dicas,
    entrevistas e ideias pra você inserir no turismo e na sua carreira.

  • Tá Tendo Evento

    A gente te conta quais os eventos estão acontecendo por aí pra você se programar com calma.
  • Inseri uma Ideia

    Fique de olho nas empresas fundadas e gerenciadas por turismólogxs. A próxima pode ser a sua!
  • Protagonismo

    Nossas dicas de currículo, entrevista e branding pessoal pra você.
  • |