5 perguntas que você deve fazer antes de começar uma Pós-Graduação
Desenvolvimento de Carreira junho 5, 2018 5 perguntas que você deve fazer antes de começar uma Pós-Graduação
Escrito por Danielle Jardim

Para alguns é normal já sair da faculdade pensando no que fazer depois da entrega do diploma. É mais normal ainda ficar naquela dúvida eterna entre cair direto no mercado ou começar uma pós-graduação, buscar uma especialização e qual tipo de especialização escolher.

Quando saí da graduação sabia que queria continuar estudando, só não sabia qual tipo de ensino escolher. Agora que já estou na reta final comecei a refletir sobre alguns pontos e gostaria que você refletisse também para não se arrepender.

Não estou arrependida, mas sinto que deixei alguns espaços não preenchidos que poderiam ter ficado mais claro antes de eu ter pago a primeira parcela do programa de ensino.

1. Qual a tendência evolutiva desse mercado?

Será que o mercado que você deseja ingressar ainda pede por uma graduação? Como está a tendência dessa área? Analisar rapidamente a tendência deste mercado te ajuda a entender se, de fato, vale a pena estudar um assunto que não está sendo mais considerado ou uma área que está em declínio.

Tem um texto meu aqui que falo como você pode analisar a tendência evolutiva dos mercados.

2. Quais os principais requisitos do mercado?

Bom, agora que você já sabe que vale a pena ou não ingressar nessa área de estudo, comece a pesquisar os principais requisitos que as empresas e recrutadores compartilham para saber se você os tem e se a pós está incluída em algum desses requisitos.

Por exemplo, você quer ir para o mercado de Marketing Digital, mas veio percebendo que os principais requisitos não são ter uma pós-graduação, mas sim, ter habilidades (hard skills) para mexer com mídias sociais, conhecimentos de Google Analytics, ADS, SEO, etc.

Então, será que vale a pena fazer a pós? Se a pós não for de Marketing Digital, é melhor então optar por fazer cursos de extensão e cursos livres para desenvolver estas habilidades.

3. Quais os principais cargos oferecidos?

Chegou a hora de pesquisar os principais cargos disponíveis no mercado. É importante analisar também quais os que possuem maior concorrência, os que possuem mais requisitos e quais se encaixam no seu estilo de vida e na sua carreira.

Não adianta escolher um cargo que paga bem se você não tem as habilidades certas para exercer a função.

4. O método de aprendizagem condiz com sua rotina?

Essa é uma questão que eu considerada totalmente desnecessária já que escolhi o ensino a distância. Mesmo você não tendo que frequentar a faculdade todos os dias, existem prazos a serem cumpridos, trabalhos a serem realizados e entregues e aulas ao vivo para assistir, dependendo da universidade escolhida.

A instituição que escolhi para fazer minha pós-graduação é considerada uma das melhores no mercado, mas não foi só por isso que a elegi.

A ESPM possui uma plataforma de ensino muito utilizada pelas universidades lá fora: a Blackboard. Nele, além de uma rede de network que pode ser criada, ficam disponível várias bibliotecas virtuais, vídeos interessantes, as gravações em PDF e em MP4 das aulas, mas o ponto chave desta pergunta é: você vai conseguir da conta?

Fiquei um pouco assustada de início, pois não tinha planejado minha rotina e não conseguia conciliar o trabalho com os estudos, só depois do quarto/quinto mês de estudo é que entendi que eu precisava fazer um planejamento diário se eu quisesse aprender alguma coisa.

5. Por que você quer começar uma pós-graduação?

Muita gente acaba se inscrevendo em um processo seletivo de pós por impulso, porque “todo mundo” tem uma pós-graduação, porque é legal para o currículo e para o status social, mas você já parou para pensar que, se a pós não é algo que de fato queira fazer, você poderá perder um ano e meio ou até mesmo dois anos da sua vida estudando algo que não gosta ou que o mercado já não precisa mais.

É a sua carreira e a sua vida que está em jogo. Se você já está arrependido que ter feito a graduação, não deixe que o que vem depois seja mais um fardo para você.

Deixe seu e-mail para receber em primeiro mão os conteúdos que chegam e para ficar por dentro das novidades que estão por vir!
Escrito por Danielle Jardim

Turismóloga, Pós-graduada em Gestão Empresarial e Marketing e uma das idealizadoras da marca. Na Vivenciando Turismo, conto histórias de gente que faz a diferença, de quem insere ideias por aí e ama estudar sobre a viagem. Dou dicas e compartilho experiências também no Linkedin e empreendo com a Alma Turismóloga.

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado.


Nenhum comentário

Mostrar comentários
Últimas histórias
Loading
Redatores de Ideias

Com efeito catástrofe, a pandemia COVID-19 abalou diversos setores da economia mundial e o turismo faz parte deste efeito dominó. […]

Loading
Redatores de Ideias

Não há dúvidas que após uma paralisação forçada, o setor turístico e hoteleiro são os mais afetados e prejudicados pela […]

Loading alma turismóloga
Dicas

A Alma Turismóloga não é apenas uma loja virtual, ela nasceu para transformar a maneira como você encara a sua carreira no turismo.

Loading turismo pós codiv-19
Dicas

Confira dicas e insights para o setor quando o turismo pós codiv-19 chegar, tanto para quem atua no mercado quanto pra quem quer ingressar.

Loading
Redatores de Ideias

Autoestima é uma das palavras que mais vem sendo usada nos últimos tempos, estamos em um momento de entender e […]

Loading negócio em turismo
Dicas

Quer ter um negócio em turismo? Confira dicas e vantagens de iniciar sua jornada empreendedora no universo online com turismo!

Loading
Protagonismo

Tá pensando em enviar currículos? Não mande sem antes preencher corretamente o seu objetivo profissional.

Loading
Motivação

O turismo está precisando de mais fazedores, acreditadores, sonhadores com capacidade para realizar coisas incríveis para o turismo e para nossa profissão.